Please enable JS

Blog

reuniao conversa

Gerindo clima e cultura organizacional

19 de novembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO

Indubitavelmente o gestor de recursos humanos encontra inúmeros desafios nas empresas para executar seu trabalho, afinal, se relaciona com pessoas que possuem infinitas histórias de vida e experiências profissionais diferentes, um destes desafios, é o clima organizacional, o qual é criado pelos colaboradores. Sendo assim, a cultura do ambiente de trabalho e a escolha de valores decididos devem estar intrínsecas nos principais líderes da organização, e é preciso clareza de que tudo deverá ser seguido pelos colaboradores em geral. Mas só haverá entendimento e cumprimento dos valores estabelecidos quando houver coerência entre palavras e ações.

“O homem cria cultura e também é criado pela mesma, ou seja, é uma relação de mão dupla.” Pettigrew (1979)

Um exemplo prático de incoerência é, quando um empregador precisa reduzir custos, decide demitir, e usa como fator principal para demissão escolher um colaborador que tem menos tempo de empresa. Desta forma, estará negligenciando os valores já deliberados. E os colaboradores passarão a relevar tempo de empresa e não valores éticos da organização. Sendo inclusive necessário levar em conta que dependendo do tempo de empresa o colaborador estará no seu caminho de desenvolvimento e no período de integração provavelmente não estará na sua máxima produtividade, principalmente dependendo do quanto os líderes disponibilizam-se para treinar estes colaboradores.

Cuidado! Recrutar mais tarde, para repor um colaborador que não deveria ter saído é um processo caro. Sendo assim, o gestor de recursos humanos deve observar em relação aos comportamentos dos colaboradores nas diferentes situações que a empresa venham a enfrentar para que um desligamento errôneo não aconteça.

Uma metodologia interessante que ajuda os líderes a se manterem atentos aos colaboradores que deverão ser mantidos na empresa é o people analytics, que tem por princípio coleta, organização e a análise de dados. Confeccionando questionários eficazes e reunindo dados para desenvolver e principalmente reter talentos.

As empresas também devem proporcionar bons ambientes de trabalho, organizados, remunerações e benefícios condizentes com a função desempenhada por cada colaborador, ter espaços destinados a interação entre os colaboradores para trocas de ideias e solução de problemas. A organização também funciona melhor quando as pessoas se relacionam e passeiam pelos setores. Inclusive para testar os conhecimentos dos colaboradores e seus talentos, numa organização não pode haver talento desperdiçado. Do jovem se aproveita a motivação, o coeficiente de viração, e do experiente, o conhecimento para lidar com casos complexos.

O modelo organizacional está mudando, está cada vez mais tecnológico, dinâmico e flexível, mas toda a empresa deve manter uma cultura ética, que se não for partida dos colaboradores, deve então ser implantada através da pedagogia ética, para que forçosamente os colaboradores entendam da importância da ética empresarial, para a harmonia da organização.

Fonte: RH Portal
Imagem: Negócio foto criado por yanalya – br.freepik.com

Posts relacionados

reuniao

Pensamento Crítico: Guia prático para desenvolver na sua equipe

12 de dezembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO
professional

7 dicas para entrar em 2020 com a saúde emocional em dia

11 de dezembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO
reuniao

Dicas para progredir na carreira

10 de dezembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO
mentoring

O que é mentoring e quais seus benefícios?

9 de dezembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO
profissional

Você é um profissional High Potential?

6 de dezembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO
tempo

4 maiores erros que prejudicam sua gestão do tempo no trabalho

5 de dezembro de 2019 / Carreira / por Comunicação Krypton BPO

abc