Please enable JS

Blog

planejamento

Gestão estratégica: saiba como reduzir custos e otimizar resultados

7 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

Você sabia que um crescimento exponencial de qualquer empresa está diretamente ligado a sua gestão estratégica? Uma gestão eficaz se torna primordial para que a empresa consiga sobreviver e prosperar.

Contudo, mesmo tendo ciência de que o crescimento está relacionado à maneira como os recursos são geridos, a taxa de mortalidade das empresas, segundo o SEBRAE, está intrinsecamente ligada com a falta de gestão estratégica das organizações.

Por isso mesmo é que tudo começa com um planejamento e processo de gestão estratégica. Existe um conjunto de ações que se originam da missão, visão e valores que a sua empresa tem para com o mercado.

O que é gestão estratégica?
A gestão estratégica, em linhas gerais, é uma função da administração da empresa, que tem como objetivo fazer valer a sua missão, os objetivos e os valores.

Para isso, ela conta com um planejamento de metas, ações e processos, levando em conta o macro e micro ambiente seja ele físico ou econômico e os recursos disponíveis dentro da organização.

Um desses objetivos, como toda empresa que deseja ter sucesso, é a redução de custos o custo por cliente ou o custo por serviço prestado ou mesmo por unidade vendida, exemplificam e tangibilizam muito bem. E este é um dos motivos da grande importância da gestão estratégica.

Por que a gestão estratégica é tão importante?
A sobrevivência e o sucesso de uma empresa dependem, em grande parte, da tomada de decisões dos gestores. Para isso, é preciso conhecer o ambiente em que a empresa está inserida, entender os riscos e gerenciar os recursos.

A gestão significa planejar, pois o planejamento implica em determinar serão as metas e um conjunto de ações com antecedência, prevendo os recursos humanos e financeiros existentes e os desafios e oportunidades que podem surgir no futuro.

Exatamente pela tomada de decisão ser tão importante para a sobrevivência e sucesso, é fundamental que se utilize da gestão estratégica nos negócios.

Por onde começar a gestão estratégica da minha empresa?
Num espaço de tempo não maior que um ano, sua missão deve ser revisitada e devem ser traçadas metas para que seu negócio prospere. Existem inclusive consultorias muito boas no mercado que conduzem as empresas para que seus planejamentos estratégicos alcancem excelentes resultados.

Perceba que uma consultoria não é pra vida toda, pois é natural que o empresário, seus administradores e executivos aprendam ou mesmo descubram a melhor maneira de criar a estratégia para o negócio que estão inseridos.

Definindo a estratégia

  • O que a sua empresa precisa para crescer ou se tornar mais rentável?
  • Qual vantagem competitiva a sua empresa tem frente as demais?
  • Como o público interno e externo se relaciona com a sua marca?
  • Quais as oportunidades que estão ocorrendo no mercado que podem ser exploradas pela sua empresa?
  • Quais são as ameaças que precisam ser contornadas ou superadas?

Responder a todas essas pergunta nem sempre é tão simples, mas fazem parte de um passo a passo importante para definir se a sua estratégia no momento é de crescimento e expansão ou se é de pura sobrevivência.

Sabemos que os desafios para manter um negócio aberto são diversos, mas sempre há oportunidades durante as crises e as empresas que acreditarem na gestão estratégica e fizerem uso de boas práticas empresariais terão mais chances de sucesso. E, ainda mais importante, elas conseguem reduzir os seus custos, que é algo fundamental em momentos como esse, não é mesmo?

Iremos explicar o que é a gestão estratégica, o porquê ela é tão importante e como reduzir os custos fazendo uso dessa prática para otimizar seus resultados. Vamos lá?

8 medidas de como reduzir custos com uma gestão estratégica?
A gestão estratégica, por conter um planejamento detalhado de tudo, possibilita uma visão clara dos custos da empresa. Essa visão auxilia, e muito, na redução de custos com algumas despesas, como:

Fotocópias e impressão
Ao visualizar os custos e como se comporta seu consumo no decorrer do tempo, você consegue identificar quanto está sendo gasto nessa seção.

Na maioria das vezes, os custos são maiores do que os necessários e você, como gestor, pode estipular uma forma segura de economizar, mexendo, por exemplo, com a consciência ambiental dos colaboradores e diminuindo, assim, os custos operacionais.

Energia elétrica
Outro custo operacional e que está diretamente ligado à consciência ambiental é a energia elétrica. Faça uma campanha para as luzes não permanecerem acesas em locais onde não há ninguém, elogie quem faz isso e principalmente, procure sempre dar o exemplo adotando também esta postura, pois como dizem “a palavra convence, mas o exemplo arrasta”.

Telefones e internet
Com tantas opções, como o Skype e planos com operadoras para empresas, é possível reduzir os custos nessa área.

Hoje em dia, o Whatsapp tem sido uma boa opção e muitas empresas orientam apenas que não atrapalhe os demais colegas de trabalho e que seja utilizado com moderação para não prejudicar a produtividade;

Material de escritório e copos
Peça para os colaboradores trazerem suas canecas de casa ou a própria empresa pode fornecer uma para cada um, os brindes que geralmente a empresa encomenda podem ser voltados para esse pensamento de objetos úteis e que ainda por cima ajudam a empresa a economizar.

Além disso, sempre planeje o material de escritório que será utilizado, evitando desperdícios. Hoje é muito comum cada área ter orçamento e prestação de conta sobre ele. Isso desperta a gestão para cada gasto que esteja sob sua responsabilidade.

Planejamento de custos
Na gestão estratégica, também deve haver um planejamento de custos. Uma previsão a peça orçamentária, conforme comentamos, já configura um bom exemplo disso. Dessa maneira, é possível saber quanto será despendido e quanto é possível economizar.

Nesse item, também vale a pena destacar a importância de pedir ajuda a equipe, principalmente sobre ideias de como se pode economizar recursos, pois quem está na operação consegue ter boas práticas que podem ser compartilhadas com todos.

Gestão de pessoas
Levante os gastos com contratação e demissão, além de férias e décimo terceiro e destine essa verba em aplicações que garantam que o dinheiro não se desvalorizará no tempo. Assim você está preparado para quando esses momentos chegarem.

Estoque
Trabalhe com o estoque necessário, nem mais nem menos, evitando depreciação ou prejuízos. Muitos fornecedores tem o estudo do tempo indicado para reposição, por isso, vale a pena conversar com seus principais fornecedores,

Tributação
Fique atento se você está enquadrado no regime tributário correto, um erro nessa definição gera muitos custos desnecessários!

O mais importante é não só você, mas toda a sua equipe estar engajada na gestão estratégica e no objetivo de reduzir custos. Oriente e envolva a sua equipe, esteja aberto para sugestões e planeje ações para economia e redução de custos. O planejamento e boas práticas são o melhor caminho para uma gestão eficaz que visa a diminuição das despesas operacionais, entre outras.

Fonte: Fortes Tecnologia

Posts relacionados

celular

Carteira de trabalho digital: tudo sobre a nova CTPS

14 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO
acordo

6 coisas que você precisa saber sobre negociação

14 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO
planejamento

Gestão do erro: saiba como aprender e crescer com as falhas

11 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO
grafico

IPCA está em patamar confortável em relação às metas definidas pelo BC, diz IBGE

11 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO
compras-online

Vendas em e-commerce no país variam 68,35% nos últimos 20 meses

10 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO
notebook

Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional alerta sobre golpes em nome do órgão

10 de outubro de 2019 / Consultoria / por Comunicação Krypton BPO

abc